Psicóloga Lao Bertoldo

TRÊS DE MAIO (RS) – A docente da Setrem e doutoranda em Psicologia Lao Bertoldo teve artigos publicados em três revistas científicas brasileiras, em 2018. Os três artigos relacionam-se à prática profissional da docente na área da psicanálise, psicopatologia e desenvolvimento humano.

Os trabalhos foram desenvolvidos a partir de componentes do curso superior de Psicologia da Setrem e também da prática profissional e da pesquisa de doutorado da docente.

Em julho de 2018, o artigo “Uma nova configuração familiar: o fenômeno Ninho Cheio” e suas vicissitudes geradas a partir do componente curricular Adultez e Velhice, junto das acadêmicas Mariele Rambo, Cristina Hentges, Fernanda Loeblein, Letícia Pando e Márcia Klöckner abordou o fenômeno da permanência de jovens de 25 a 35 anos na casa dos pais ao invés da máxima contrária do “ninho vazio”.

Este fenômeno parece refletir uma importante mudança tanto de questões subjetivas, quanto econômicas e sociais estudadas no componente. Fala do mundo subjetivo e real do adulto tal como se encontra hoje, bastante diferente de décadas atrás”, explica Lao. Este artigo foi publicado na revista Perspectivas em Psicologia, da Universidade Federal de Goiás (UFG).

Outro artigo, intitulado “Aspectos psicossociais de suicídio em idosos e percepções dos sobreviventes”, resultado do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) da egressa Bruna Sancandi, coorientado pela docente Marta Lorentz, foi publicado em agosto de 2018, na revista Imed, de Passo Fundo.

Ele abordou aspectos da depressão e sofrimento ligados a população idosa, bem como as repercussões do suicídio nesta faixa populacional e a repercussão deste fato na vida de familiares. “Este é um tema atualmente muito debatido frente ao aumento da população idosa no Brasil e há uma necessidade de suporte para esta nova demanda”, comenta a docente da Setrem.

Por fim, o artigo “Intervenções para o TDAH infanto-juvenil que incluem pais como parte do tratamento”, publicado no periódico Psicologia Revista, da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), é oriundo do trabalho de doutorado da docente sobre crianças com déficit de atenção e hiperatividade, e relações de apego com os cuidadores primários representando também uma de suas principais atividades como psicóloga na prática clínica cotidiana no atendimento de crianças, adolescentes, adultos e idosos.

A Faculdade Três de Maio – Setrem possui professores que unem a teoria ensinada em aula à prática profissional do docente, que repercutem em produções científicas, articulando conhecimentos ministrados em sala de aula à avanços no campo de saber ensinado.

Foto: Studio Criativo/Divulgação

Pin It on Pinterest

Share This